ABUSO DE PODER! A mando do Prefeito, barreira sanitária persegue eleitores da oposição

Barreira sanitária (imagem ilustrativa)

O prefeito Expedito Nogueira está cada vez mais abusando do poder público para intimidar e perseguir todo aquele que não for seu partidário. A barreira sanitária na entrada do município de Calçado-PE, que deveria cumprir um papel de fiscalização em combate a covid-19 faz, por sua vez, está fazendo um serviço meia-boca. Enquanto os eleitores do prefeito são automaticamente liberados para seguir, os eleitores da oposição sofrem com abusos e provocações verbais de supostas autoridades.

Hoje a tarde um morador de Calçado foi impedido injustamente de seguir para sua casa, quando decidiu passar por uma barreira inexistente. Isso mesmo, segundo interlocutores, a barreira já havia sido desmontada. Ainda assim, o “funcionário público”, claramente despreparado para esse tipo de situação resolve seguir o condutor até sua casa para agredir verbalmente e incitar uma confusão.

Não satisfeito o “funcionário público” aciona a polícia, que por sua vez, prende o condutor por desacato a autoridade. Ele é levado para o batalhão da polícia militar de Lajedo, cidade vizinha.

Mas a barreira já não estava desmontada? Por que então seguir o condutor até sua residência para simplesmente bater boca? Por qual treinamento esse e os outros “funcionários públicos” que trabalham nas barreiras de Calçado passaram? A propósito, dentre eles tem algum médico ou enfermeiro? Tantas perguntas.

O morador irá processar a prefeitura por abuso de poder, difamação e danos morais. Porém ele não é o único perseguido pela prefeitura. Outros moradores do município que não são partidários ao Prefeito também estão sofrendo abusos nas barreiras. O Repórter Calçado irá fiscalizar todas as barreiras sanitárias e ver quais são os veículos com prioridades na passagem.

Estamos de olho.

Expedito Nogueira, Prefeito de Calçado-PE